• Flickr
  • WhatsApp
  • linkedin
  • Instagram
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube

MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO

 

 

Projetos de Pesquisa

Última atuatlização: 06/05/2019
  • Nome do projeto:  Desenvolvimento de modelos de negócios em startups de base tecnológica: um estudo sobre causalidade, efetuação e bricolagem na tomada de decisão por empreendedores.
    Linha de Pesquisa: Empreendedorismo e Desenvolvimento
    Ano Início: 2018
    Docente Responsável: Renato Machado Costa
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Com o crescente interesse de pesquisadores pelo tema Empreendedorismo, novas perspectivas teóricas têm emergido, em contraste com o modelo tradicional, tentando explicar as atitudes e a lógica subjacente ao comportamento empreendedor. Destacam-se entre estas perspectivas as teorias da causalidade, bricolagem e efetuação (effectuation).

    Paralelamente, o desenvolvimento de modelos de negócios tem recebido muita atenção de pesquisadores e praticantes, por ser considerado crucial para que novos empreendimentos, especialmente os de base tecnológica, criem e capturem valor com suas tecnologias. No entanto, tais empreendimentos muitas vezes experimentam grande dificuldade para definir um modelo de negócios (MN) viável na primeira tentativa, devido aos altos níveis de incerteza tecnológica e de mercado que enfrentam, e à imprevisibilidade das opções de comercialização. Particularmente nas fases iniciais, tem-se conhecimento e recursos limitados para lidar com todas estas incertezas e, portanto, os componentes do MN precisam ser criados e revisados em diferentes momentos, durante o processo de desenvolvimento do negócio. Sendo assim, desenvolver um MN é um processo dinâmico, que envolve tomadas de decisão sob incerteza.

    Este projeto visa investigar a lógica da tomada de decisões usada por empreendedores para desenvolvimento de modelos de negócios em empresas nascentes (startups) de base tecnológica. Particularmente, pretende-se estudar como são empregadas as abordagens de causalidade, efetuação e bricolagem, e como elas conformam a dinâmica do desenvolvimento do MN, e do próprio empreendimento, ao longo do tempo. Buscar-se-á com este projeto identificar se os empreendedores alternam entre estas três abordagens principais de comportamento empreendedor (bricolagem, efetuação e causalidade) durante o processo empreendedor e no design do modelo de negócios e, em caso afirmativo, entender como e por que isso ocorre.

  • Nome do projeto: Acervos sobre Micro e Pequenas Empresas: Análise de Conteúdos Estruturados (Bases-de-dados, Arquivos), não-estruturados (repositórios de informações) e de centros de informação em operação
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das micro e pequenas empresas
    Ano Início: 2012
    Docente Responsável: José Osvaldo De Sordi
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Analisar a disponibilidade e qualidade dos acervos (dados e informações) e centros de informação voltados micro e pequenas empresas (MPE) brasileiras. Para análise dos acervos empregar-se-á teorias associadas qualidade da informação, mais especificamente, dimensões desenvolvidas pela Ciência da Informação. Outro aspecto importante é identificar o atendimento deste acervo perante as demandas de pesquisadores, gestores e demais entidades interessadas nas MPEs, como: secretarias de desenvolvimento, agências de inovação e órgãos gestores de arranjos produtivos locais.

  • Nome do projeto:Alocação de recursos financeiros fundamentada na Análise de Importância-Desempenho (IPA)
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das micro e pequenas empresas
    Ano Início: 2016
    Docente Responsável: Wanderlei Lima de Paulo
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Desenvolvimento de métodos/modelos para tomada de decisão ótima fundamentados na Análise de Importância-Desempenho (IPA), permitindo ao gestor empresarial definir planos de ação com custo mínimo que atinja uma meta de desempenho desejada para seus produtos/serviços. De modo geral, o problema de estudo é apresentado na forma de um problema de otimização de custos, a ser formulado como um modelo de programação linear, cujas restrições e função objetivo estão associadas aos níveis de desempenho das atividades empresariais comparados ao mercado.

  • Nome do projeto: As relações entre trajetórias de carreira e empreendedorismo
    Linha de Pesquisa: Empreendedorismo e Desenvolvimento
    Ano Início: 2013
    Docente Responsável: Eliane Maria Pires Bianchi
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    O projeto tem como objetivo verificar a existência de padrão de trajetória/perfil de carreira com empreendedorismo. O empreendedorismo está em expansão em função de oportunidades de mercado, da quebra de relações de trabalho entre pessoas e organizações e por conta das mudanças trazidas pela modernidade ao indivíduo profissional. Por outro lado, novos modelos de carreira estão sendo estudados que trazem para o indivíduo a responsabilidade pela direção da própria carreira, independente da organização em que se trabalha ou forma de atuação. O estudo visa verificar se é possível definir um padrão para o empreendedor (modelos já definidos e contemporâneos de carreira ex: proteana, sem fronteiras e opt-out) e confirmar/argumentar características pessoais que definem determinado perfil. A expectativa é utilizar um questionário e entrevistas em profundidade para verificar a existência de outras características não presentes nos modelos de carreira em função de alguma característica do perfil empreendedor (baseado em estudos clássicos). O modelo de carreira empreendedora de Kimberley Eddelston será usado como contraponto. Os motivadores pessoais também serão analisados. A abordagem de pesquisa é quali/quanti, buscando-se a verificação de uma definição, a argumentação deste processo e a obtenção de argumentos novos na literatura.

  • Nome do projeto: Bazar, Bricolagem e Efetuação: Os Contextos Transacionais do Empreendedor
    Linha de Pesquisa: Empreendedorismo e Desenvolvimento
    Ano Início: 2017
    Docente Responsável: Reed Elliot Nelson
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Os múltiplos estudos sobre a efetuação e a bricolagem ilustram eloquentemente a pluralidade do empreendedorismo para além da dominante racionalidade formal. Na corrente da economia clássica em empreendedorismo, a racionalidade formal apresenta o processo empreendedor como realizado, desde seu início, por busca de informações, análise, planejamento e objetivos a realizados no mercado. A abordagem desconsidera o contexto sociocultural, em associação ou não com o conceito mercado. Ela sustenta que os negócios se desenvolvem com base em decisões e procedimentos ótimos de pessoas desinteressadas e isentas de influências políticas e culturais. Tal crença mostra enfim não apenas a desconsideração do contexto sociocultural, mas também sua negação, abordando ações atomizadas dos atores econômicos, enquanto já se sabe que tais ações são socialmente imbricadas. Neste projeto utilizamos o conceito do bazar para identificar desvios do mercado neoclássico nos contextos e comportamentos empreendedores. O conceito de bazar usado nesta pesquisa vem do reconhecido estudo etnográfico de Geertz. Geertz vê no bazar não só um âmbito para se comprar barato e se vender caro, mas também uma fluida comunidade cuja vida é moldada sociocultural e economicamente. Uma vasta trama de relações sociais permite a seus participantes intercambiar, de modo aparentemente caótico, bens, serviços, recursos financeiros, valores, símbolos e/ou informações, configurando uma “economia de bazar”. Para Geertz, a economia de bazar difere claramente da teoria neoclássica de mercado por evidenciar que o mercado não é fechado em si mesmo com participantes que obedecem apenas a motivações e pressões endógenas. É nesse sentido que o conceito de bazar faz-se útil para contrabalançar a negligência dos aspectos socioculturais nas correntes racionais formais e a modesta consideração desses aspectos nas correntes da efetuação e da bricolagem. Através de etnografia clássica e entrevistas dirigidas pretendemos averiguar a presença de elementos do Bazar de Geertz nas cognições e categorias dos micro e pequeno empreendedores e a sua associação com effectuation e bricolagem.

  • Nome do projeto: Desenvolvimento de Artefato em Desing Science para Formulação da Estratégia Competitiva de Empresas.
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das Micro e Pequenas Empresas
    Ano Início: 2016
    Docente Responsável: José Luiz Contador
    Fonte de Financiamento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa. Chamada: Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora – DT 2015. Processo: 307363/2015-5

    +Descrição do Projeto

    Tem por objetivo desenvolver artefatos em design Science para a formulação da estratégia competitiva de empresas que possa funcionar como um tutorial. A formulação de estratégias competitivas empresariais é uma importante ferramenta para o desenvolvimento da empresa, mas é vista como uma tarefa complexa, fato esse que leva inúmeras empresas a não realizá-la, principalmente as de pequeno porte. Assim, o desenvolvimento de um artefato para esse fim, elaborado de acordo com a abordagem design Science e que possua caráter tutorial, pode facilitar essa tarefa, que poderia ser executada sem auxílio de consultores.

  • Nome do projeto: Educação Empreendedora: como ensinar, o que ensinar e elementos do ecossistema
    Linha de Pesquisa: Empreendedorismo e Desenvolvimento
    Ano Início: 2018
    Docente Responsável: Patricia Viveiros de Castro Krakauer
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Este projeto tem como foco a educação empreendedora, especificamente no que tange os métodos de ensino e aprendizagem, conteúdos disciplinares e elementos existentes no ecossistema do ensino de empreendedorismo. Para tal, tem-se os seguintes objetivos: (1) mapear as práticas existentes tanto no Brasil quanto em outros países em termos de motivação dos alunos e desenhos curriculares, (2) testar a pertinência dos elementos apresentados no modelo de ecossistema do ensino de empreendedorismo e (3) testar empiricamente modelos teóricos voltados à métodos de ensino e aprendizagem.

  • Nome do projeto: Estudo para melhoria da competitividade das micro e pequenas empresas.
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das micro e pequenas empresas
    Ano Início: 2012
    Docente Responsável: José Luiz Contador
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    O objetivo geral do projeto de pesquisa é desenvolver estudos sobre os fatores que determinam ou influenciam a competitividade das MPE e prover métodos aplicativos que possam melhorar sua capacidade competitiva. Seus objetivos específicos: 1. Estudar a competitividade de um conjunto de empresas de um mesmo setor com a finalidade de identificar os fatores de diferenciação competitiva das MPE; 2. Estudar a competitividade de uma empresa de qualquer setor com a finalidade de descobrir quais fatores acarretam vantagem competitiva; 3. Desenvolver estudos que aprimorem o modelo de campos e armas da competição.

  • Nome do projeto: Ferramentas da Qualidade: análise do uso e impacto nas micro e pequenas empresas
    Linha de Pesquisa: Dinâmica da Micro e Pequenas Empresas
    Ano Início: 2014
    Docente Responsável: Manuel António Meireles da Costa
    Fonte de Financiamento: Kaizentools

    +Descrição do Projeto

    No campo da Administração, muitas ferramentas gerenciais são conhecidas para auxiliar os gestores a implantar, manter e ampliar programas de Qualidade com vistas a uma maior competitividade. Dentre essas podem ser citadas: Análise da Causa Raiz, Árvore de Realidade Corrente, Diagrama de Ishikawa, Diagrama de Causa-e-Efeito e Diagrama de Inter-relação, Controle Estatístico do Processo. Este projeto tem por objetivo investigar o uso de tais ferramentas pelas MPE e os desdobramentos em especial: a) quanto melhoria da qualidade dos processos e produtos; b) quanto ao aumento da produtividade; c) quanto competitividade da empresa

  • Nome do projeto: Gestão da Micro e Pequenas Empresas (MPEs): Conceitos de gestão empresarial e modelos organizacionais
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das micro e pequenas empresas
    Ano Início: 2014
    Docente Responsável: Djair Picchiai
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    A gestão empresarial e modelos organizacionais das MPEs serão estudadas sob o âmbito multifacetado das diversas áreas de interesse da ciência da administração: recursos humanos, estratégia, marketing, estrutura, processos, operações, inovação tecnológica e finanças. Alguns aspectos destas diversas áreas de interesse da ciência da administração que se destacam por apresentar resultados significativamente divergentes, sejam eles negativos ou positivos, quando considerados no contexto específicos das MPEs em comparação com as organizações de outro porte. Estes podem ser considerados como exemplos de temas de interesses a serem investigados por este projeto de pesquisa. Objetivo Geral: Pesquisar no campo da gestão empresarial as práticas, as técnicas e as percepções dos gestores/ proprietários das MPEs e suas relações com os conceitos de gestão empresarial e modelos de organização. Objetivo Específico: Estudo da gestão empresarial e dos modelos organizacionais adotadas pelas MPEs, e comparação com os modelos encontrados na literatura. Identificar e compreender as características específicas de gestão e organização das MPEs. Analisar os pontos de inadequação das modernas técnicas de estabelecimento dos modelos de atuação e sua execução. Os métodos de pesquisa previstos serão: os estudos realizados e sistematizados dos modelos teóricos presentes na literatura nacional e internacional, as pesquisas quantitativas por meio de acesso a banco de dados disponíveis (IBGE, SEBRAE e outras instituições governamentais ou representativas do setor) e os estudos multicasos realizados em campo.

  • Nome do projeto: Mulheres Empreendedoras: trajetória, perfil e gestão.
    Linha de Pesquisa: Empreendedorismo e Desenvolvimento
    Ano Início: 2018
    Docente Responsável: Patricia Viveiros de Castro Krakauer
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Estudos de gêneros no empreendedorismo têm despontado na literatura dado o crescente número de mulheres empreendedoras, despertar esse também observado no Brasil e comprovado por relatórios de pesquisas, como o GEM, e pesquisas de cunho teórico. Apesar da significativa participação feminina, o campo de estudo tradicionalmente se voltou para pesquisas masculinas e apenas mais recentemente (a partir da década de 2010), possivelmente impulsionado pelo aumento de mulheres que intencionam empreender, voltou-se também para o universo feminino, envolvendo não apenas características inerentes ao gênero, mas potencial e intenção empreendedora. Este projeto tem como objetivo compreender o perfil da mulher empreendedora brasileira, buscando relação entre seu comportamento pessoal, sua trajetória profissional e características de gestão.

  • Nome do projeto: Planejamento Socioambiental no Contexto de Campo Limpo e Região
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das Micro e Pequenas Empresas
    Ano Início: 2015
    Docente Responsável: Elio Takeshi Tachizawa

    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    -Descrição do Projeto

    A proposta do projeto é identificar necessidades de informações socioambientais para suporte às decisões de administradores públicos e governantes de Campo Limpo Paulista e região. Isso para formação de uma base de dados voltada ao mapeamento socioambiental e formulação de diretrizes de desenvolvimento local sustentável. A abordagem para coleta de dados é entrevistar dirigentes de organizações privadas filiadas à Associação Comercial e Industrial de Campo Limpo Paulista, e gestores de organizações não Governamentais (Caminho Verde; Mata Ciliar; ECOMURSA, e organizações sociais correlatas). Complementarmente, coletar dados secundários junto à Secretaria Municipal de Planejamento e órgãos estratégicos da Prefeitura de Campo Limpo Paulista.

  • Nome do projeto: Proposição e teste do Personal Knowledge Management aplicado ao contexto de análise e emissão de parecer em órgãos públicos
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das micro e pequenas empresas
    Ano Início: 2017
    Docente Responsável: José Osvaldo De Sordi

    Fonte de Financiamento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), chamada “12/2017 – bolsa produtividade em pesquisa – PQ”

    -Descrição do Projeto

    O processo de análise e emissão de parecer em órgãos públicos é um exemplo típico de processo organizacional cuja eficácia apresenta forte dependência do processo de gestão de informação. As informações providas pelo solicitante são insumos à atividade central do analista do órgão público: a análise consubstanciada no conjunto de normas internas, leis e portarias pertinentes com o objeto a analisar. A construção de pareceres a partir de citações e referências ao conjunto de documentos normativos, a recuperação de pareceres anteriores para o desenvolvimento de novos pareceres, bem como a mensuração do uso dos documentos normativos a partir de citações e referências a estes nos pareceres, exemplificam semelhanças e oportunidades para adoção de práticas de gestão da informação típicas do ambiente acadêmico-científico. Por intermédio da estratégia pesquisa-ação este projeto de pesquisa objetiva desenvolver, propor e testar um framework composto por atividades e algoritmos (softwares livres) de suporte a essas, que sirvam aos analistas de órgãos públicos como uma suíte ao Personal Knowledge Management (PKM) aplicado às atividades do processo de análise e emissão de parecer em órgãos públicos (PAEPOP), denominado aqui de Framework PKM-PAEPOP. Espera-se com o projeto identificar o potencial de transferência e adoção de boas práticas da gestão da informação do ambiente acadêmico-científico para o contexto de atividades analíticas de órgãos públicos.

  • Nome do projeto: Racionalidade nas Micro e Pequenas Empresas: um estudo dos modos e métodos
    Linha de Pesquisa: Empreendedorismo e Desenvolvimento
    Ano Início: 2014
    Docente Responsável: Maria Aparecida Sanches
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Buscar responder as seguintes perguntas: O que é sentido do trabalho para o empreendedor? Quais implicações esta definição trás para os ambientes organizacionais nos quais este perfil atua de forma determinante? Existe a possibilidade de relacionar Sentido do Trabalho com determinada Cultura Organizacional ou Proposta de Valor do Trabalho? Tratam-se de múltiplos objetivos que, se analisados em sequência, podem agregar o estudo da área nas perspectivas psicológica e sociológica contribuindo para a administração das organizações.

  • Nome do projeto: Sistemas Alternativos de Produção e Emprego no Contexto do Desenvolvimento Local Sustentável
    Linha de Pesquisa: Dinâmica das Micro e Pequenas Empresas
    Ano Início: 2015
    Docente Responsável: Elio Takeshi Tachizawa
    Fonte de Financiamento: UNIFACCAMP

    +Descrição do Projeto

    Em face do potencial da região para empreendimentos socioambientais, propõe-se coletar dados referentes a serviços diferenciados que o município pode oferecer aos turistas. Podem ser inventariadas informações pertinentes ao turismo sustentável, possível de ser desenvolvido existente no município de Campo Limpo Paulista e região. No desenvolvimento do projeto seriam aplicados questionários junto aos munícipes e turistas da região, para averiguar se a cidade e região circunvizinha possuem potencial para o ecoturismo, ainda inexplorado. O levantamento deve abranger o conjunto de serviços diferenciados, turisticamente, que o município teria a oferecer aos visitantes da região. Seria dada ênfase àqueles bens e serviços turísticos que possibilitariam o exercício do ecoturismo e atividades autossustentáveis, com potencial de criação de empregos e renda na comunidade local.