Vestibular
  •  
  • Flickr
  • WhatsApp
  • linkedin
  • Instagram
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube

 

 

Vestibulares - Inscrições

Fique por dentro

fique por dentro - LETRAS

Campo Limpo Paulista 27/06/2019

Alunos produzem sarau sobre Machado de Assis

Os alunos do curso de Letras se reuniram em grupos e planejaram apresentações de forma lúdica para ilustrar a concepção do autor sobre as mulheres na sociedade da época

Além de apresentarem seus trabalhos, os alunos também prestigiaram cada grupo com dinâmicas diferentes acerca do tema

Produzido pelos alunos de Letras, o sarau com o tema “Mulheres Machadianas, já passaram ou ainda estão presentes?” mostrou, na noite de segunda, 10 de junho, muitas apresentações que usaram música, teatro, poesia e áudio para transmitirem mais emoção.

O projeto se desenvolveu em torno dos livros do autor brasileiro Machado de Assis e as semelhanças entre as mulheres da época, do século XIX, e de hoje em dia. Cada grupo, escolheu um livro ou assunto para representar em cima do palco.

A ligação entre os trabalhos foi a análise sobre os livros e o papel da mulher na sociedade, que naquela época era retratada com uma certa resistência aos padrões impostos.

Os grupos representaram os personagens
Diversos temas foram abordados por meio da arte

A idealização e organização da noite ficou por conta da professora Silvia Fortunato, que comentou sobre cada trabalho, e ao final, explicou a importância da literatura. “Através da análise da literatura, nós entendemos o porquê nós somos assim hoje em dia.”

Essa prática aliada à teoria rendeu diferentes atividades e utilizou muita criatividade de todos, e teve como resultado a rádio-novela, entrevista Machado, terapia com Machado, representações lúdicas sobre cada livro e passagem, poesias autorais que refletiam sobre as obras e muito mais.

A noite foi aberta ao público e também valeu como horas-complementares para estudantes de outros cursos do Centro Universitário, levando uma visão de comparação das mulheres em diferentes séculos.

O sarau foi inspirado nos livros de Machado de Assis
Os poemas apresentados eram autorais

Texto: Caroline Rodrigues - RA: 28162
Foto: Caroline Rodrigues - RA: 28162