Vestibular
  •  
  • Flickr
  • WhatsApp
  • linkedin
  • Instagram
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube

 

 

Vestibulares - Inscrições

Fique por dentro

fique por dentro - EDUCAÇÃO FÍSICA

Campo Limpo Paulista 18/06/2019

Alunos produziram a Mostra "Diversi-Danças Brasileiras"

Ritmos como frevo, forró, indígena, lambada, samba e valsa foram apresentadas pelos alunos do curso de Educação Física, sob a orientação da professora Sara Salgado

A noite contou com muita emoção e alegria transmitidas por meio da dança e música

Como forma de mostrar os diferentes ritmos de dança do Brasil, o curso de Educação Física realizou a I Mostra de dança Unifaccamp, com o tema "Diversi-Danças Brasileiras", que lotou o Anfiteatro do Centro Universitário na noite de quarta-feira, 5 de junho.

O projeto vinculado à disciplina Atividades Rítmicas e Expressivas e também às Práticas de Ensino e Gestão em Educação Física, teve como objetivo levar os alunos a vivenciar a dança na perspectiva artística, produzindo um espetáculo que contou com 17 apresentações de discentes de todos os semestres do curso e também de convidados externos, o estúdio de dança Malawa e a bailarina Sara Chaves, que abriram e fecharam o evento.

A noite foi marcada por muita emoção, energia contagiante e beleza vinda da riqueza de gestos e movimentos dos diferentes estilos de danças brasileiras e outras absorvidas no cenário nacional. Além disso, a organização foi ornamentada pela professora Vanessa Bertini, artista Campolimpense que auxiliou deixando o palco mais decorado.

Os organizadores e alunos de Música estavam presentes
Todas as apresentações contaram com muita emoção

Com transmissão ao vivo e apoio do aluno Jefferson, do curso de Rádio e TV, como apresentador, a Mostra trouxe as danças tradicionais, como frevo, forró, tarantella, dança indígena, lambada, sapateado, cangaço nordestino, dança do bumba-meu-boi, samba e valsa. Também contou com hip hop, street dance num misto de capoeira e dança de rua, jazz, contemporânea, Ballet e fechou com danças aeróbicas, vibrantes e contagiantes.

Sara Salgado, professora organizadora do evento, conta que os alunos se apresentaram a partir de uma construção teórico-pratica. “Os estudantes foram fundamentados pelo estudo de movimento de Rudolf Laban, os grupos criaram suas danças sob a premissa deste estudioso que dizia: “A dança é o meio de dizer o indizível. ””

O espetáculo terminou com a participação de alunos de Música da Paula, Nando e Nikolas, que cantaram um clássico brasileiro "Pra não dizer que não falei das flores", em que a bailarina Sara Chaves dançou e contagiou a todos com sua mensagem.

No total, 17 grupos participaram do evento
Diversos temas foram abordados por meio da dança

Texto: Caroline Rodrigues - RA: 28162
Foto: Reprodução